Skip to main content
3 mentiras sobre clareamento dental

3 mentiras sobre clareamento que estão contando para você

Nessa última semana um caso envolvendo um famoso ator global teve muita repercussão no mundo Odontológico.

Uma postagem dele no Instagram fazendo clareamento com um dispositivo de LED chamou a atenção de muitos dentistas.

Não entro no mérito da propaganda em si, já que cada um deve saber a que tipos de produtos está vinculando sua imagem. A questão que incomodou os profissionais é que luz de LED por si só não clareia os dentes.

Por isso hoje vou lhes constar 3 verdades sobre clareamento dental que ainda são propagadas, inclusive por profissionais da área.

LED Clareamento Dental

Luz de LED e laser clareiam os dentes?

Não. E também não aceleram a reação dos géis clareadores.

Os géis clareadores colocados sobre os dentes no clareamento de consultório não necessitam de nenhuma fonte luminosa para acelerar sua reação.

A tecnologia já evoluiu tanto que hoje eles ficam sobre os dentes entre 15 e 30 minutos e promovem ótimos resultados sem precisar de nenhum catalisador (um acelerador de reação como são as fontes de LED ou laser que se utilizava antigamente).

Estudos científicos comprovam que fontes luminosas sobre os dentes além de não acelerarem o clareamento ou promoverem clareamento por si só (luzes colocadas diretamente sobre os dentes não deixam os dentes mais claros) podem causar maior sensibilidade dental por agirem diretamente nos tecidos pulpares (nervo do dente)

Resumindo, laser ou LED ou qualquer outra fonte de luz não clareiam seus dentes e ainda os deixam mais sensíveis.

Vou deixar o link desse estudo sobre aplicação de LED em clareamento (o texto está em língua inglesa). Clique Aqui

Café Clareamento Dental

Tomar bebidas como café e vinho durante o clareamento atrasa o tratamento?

Mais uma “lenda urbana” que ainda percorre os consultórios Brasil afora.

Não. Você pode beber seu café, vinho, chá, chimarrão e qualquer outra bebida e comer qualquer comida que goste sem medo de atrasar seu tratamento.

Eu sei, eu sei que já falaram para você que tem que cortar tudo o que pigmenta durante o tratamento.

Eu também falava isso para meus pacientes. Mas temos que nos amparar em conhecimento científico, e não em empirismos.

E os estudos científicos provam que ingerir café, por exemplo, durante o clareamento dental não atrasa nem interfere no resultado final.

Isso é muito bom porque sempre brinco que café é vida (ou pelo menos acordamos para a vida de manhã depois de uma xícara). Já vinho é felicidade (quem não fica alegrinho depois de uma taça, não é mesmo?)

Se quiser diminuir o consumo ou mesmo parar durante o clareamento, não tem problema. Mas não se sinta culpado caso tome uma xícara de café durante o dia e à noite for utilizar a moldeira de clareamento. O café pode ser inocentado.

Aqui vai um link sobre o assunto com mais um artigo científico (texto está em língua inglesa) Clique Aqui

Carvão ativado clareia os dentes?

carvão ativado

Outra falácia para enganar os incautos.

Vejo vários famosos fazendo propaganda desses produtos.

A verdade é que eles clareiam da mesma forma que os cremes dentais clareadores: por desgaste da superfície dos dentes.

Cremes dentais clareadores são mais abrasivos que os normais porque possuem mais bicarbonato de sódio na sua formulação.

O carvão ativado também é abrasivo.

É como se você fosse lavar os vidros das janelas da sua casa com esponja e areia.

O que vai acontecer com o vidro se você fizer isso? Pois é. Ele vai riscar e desgastar .

Com os dentes acontece exatamente da mesma forma. Nosso esmalte (a camada mais externa do dente. Essa mesma que você consegue tocar o dedo) é vítreo.

Se você passar qualquer substância abrasiva nele, vai desgastar. Por isso não é indicado escovar os dentes com bicarbonato de sódio (aquele que se compra no mercado), cremes dentais clareadores e carvão ativado.

Aqui tem um texto que escrevi em 2018 sobre esse assunto Clique Aqui

E aqui temos um link com uma revisão de literatura sobre carvão ativado (texto em língua inglesa) Clique Aqui

Confie no seu dentista, não no famoso dá propaganda.

Espero ter ajudado com esse texto.

Vamos confiar mais na Ciência e evitar desinformação e “crendices”.

Se gostou do texto, compartilhe o link.

Dúvidas? Escreva nos comentários.

Aproveite e siga nossas redes sociais.

Instagram e Facebook

Um grande abraço a todos.