fbpx Skip to main content

Clareamento no consultório: rapidez e praticidade no tratamento

A busca por tratamentos de rápida resolução estão se tornando rotina nos consultórios odontológicos. O clareamento dental feito em consultório representa simplicidade e agilidade na busca por um sorriso estético com dentes brancos.

Para quem vive na correria do dia a dia, o clareamento de consultório apresenta-se como a melhor alternativa, já que exige menos sessões (podendo ser sessão única) oferecendo praticidade e resultado imediato quando comparado ao clareamento de moldeiras.

Essa rapidez no tratamento é obtida pelo uso de peróxido de hidrogênio em alta concentração. O auxílio de laser pode acelerar o processo, pois funciona como um catalisador (acelerador) da reação de dissociação do peróxido, liberando mais rapidamente o oxigênio, que é o responsável pelo clareamento dentário.

Vale lembrar que alguns géis não necessitam do laser para clarear. Basta sua aplicação na superfície dentária para iniciar a reação e o processo de clareamento.

Para que você esteja apto para fazer o procedimento, primeiramente deve-se fazer uma consulta de avaliação. Será observado a existência de problemas clínicos (que devem ser solucionados antes de iniciar o tratamento clareador) e será feito a tomada de cor dos dentes do paciente com auxílio de escala de cor e fotografias.

O passo a passo do clareamento de consultório é simples:

    • O primeiro passo é fazer uma limpeza nos dentes para remover resíduos e placa bacteriana da superfície dos dentes.
    • Será colocado um afastador labial para evitar o contato do gel clareador com lábios e bochechas.
    • O dentista deve aplicar a barreira gengival de proteção. Essa barreira é extremamente importante para evitar que o gel tenha contato com a gengiva, provocando dor e inflamação gengival. Caso exista contato, o kit com gel clareador possui um neutralizante que diminui o desconforto e permite a continuidade do tratamento
    • Manipula-se a seringa de gel e aplica-se na superfície de todos os dentes. Alguns géis exigem duas ou três aplicações na mesma sessão. Outros apenas uma. Cada marca tem suas características.
    • Após a aplicação, aguarda-se o tempo preconizado pelo fabricante. Ao término do procedimento, utiliza-se um sugador para remover o excesso de gel da superfície de todos os dentes e irriga-se com água para remover os resíduos que restarem.
    • Remove-se a barreira gengival.
    • Faremos a aplicação de um dessensibilizante para diminuir a sensibilidade após a sessão.
  • Se o caso exigir, pode-se marcar mais sessões até que o resultado esperado seja obtido

Veja neste vídeo, da empresa FGM, o passo a passo do procedimento:

Caso o paciente tenha sensibilidade , pode-se fazer uso de fluoreto de sódio 0,05% antes de iniciar o tratamento. Utilizar cremes dentais para sensibilidade (Sensodyne Alívio Rápido, Colgate Sensitive Pró-Alívio, Oral B Sensi-Alívio) pode ajudar a diminuir o desconforto.

Alertamos para os cuidados com a alimentação logo após o tratamento clareador. (Veja neste link uma lista de alimentos que escurecem os dentes).

Lembrando mais uma vez que não é obrigatório o uso do laser. Várias marcas não exigem mais sua utilização, tornando o tratamento mais acessível e com o mesmo resultado final.

No próximo post falaremos sobre clareamento interno, excelente opção para clarear apenas um dente escurecido.

Não perca!

Qualquer dúvida, deixe nos comentário.

Grande abraço a todos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *